Notícias

Biblioteca MS 600X400.jpeg

26/06/19 19:32 / Atualizado em 26/06/19 19:36

Escola de Mato Grosso do Sul recebe doações da Fenae/Apcef

Instituição enfrentava dificuldade em estruturar biblioteca devido à escassez de recursos

O projeto Biblioteca Renovada, do Programa Eu Faço Cultura, mantido pelos funcionários da Caixa Econômica Federal, entregou 250 livros para a Escola Estadual Dorcelina de Oliveira Folador, que fica em Novo Horizonte do Sul (MS), nesta quarta-feira (26). A entrega foi realizada pelo presidente da Associação do Pessoal da Caixa do Mato Grosso do Sul (Apcef-MS), Jadir Garcia.

Ao receber o acervo, a diretora da escola, Edna Rosana Marques da Silva, explicou que a instituição enfrenta dificuldades para estruturar a biblioteca devido à escassez de recursos em um município pequeno – cerca de 5 mil habitantes. “Essa doação vai nos ajudar muito, porque temos projeto de leitura na escola e temos uma carência muito grande. Hoje estamos felizes por ter recebido esse acervo, que vai ajudar muito a nossa escola”, relatou a diretora.

A Escola Estadual Dorcelina de Oliveira Folador conta com 350 alunos do ensino médio, EJA (Educação de Jovens e Adultos) e AJA (Avanço do Jovem na Aprendizagem). Os livros doados são selecionados de acordo com a faixa etária dos estudantes. Para o ensino médio, por exemplo, são enviados livros cobrados no Enem e vestibulares.

A professora intérprete de Libras Jakeline Dias Costa foi quem conheceu o projeto, mantido pela Fenae (Federação Nacional das Associações de Pessoal da Caixa) em parceria com as Apcefs. Ela explica que a diretora expôs aos professores as dificuldades para aumentar o acervo da biblioteca e, ao pesquisar sobre o assunto, a professora descobriu a plataforma Eu Faço Cultura.

“Entrei na plataforma, inscrevi a escola e fomos contemplados. Os alunos ficaram empolgados quando receberam os livros. Eles se interessaram muito, alguns já querem levar para casa para ler. Fiquei emocionada de ver a recepção dos alunos”, comemorou a professora.

O presidente da Apcef/MS, Jadir Fragas, representou a Fenae durante a entrega dos livros na Escola Estadual Dorcelina de Oliveira Folador. “O projeto Eu Faço Cultura é oriundo de doações do pessoal da Caixa e é uma satisfação grande ver que as doações que são feitas chegam a quem se destina, ver várias crianças felizes recebendo o livro. É uma forma de incentivo à cultura e à leitura, que é um instrumento de transformação na vida das pessoas”, avaliou.

Jadir Fragas também reforçou a importância da participação dos empregados da Caixa para continuidade do projeto. “Nós incentivamos outras instituições a participarem e incentivamos os empregados da Caixa a continuar doando, aumentar as doações, para contemplar mais pessoas com esse projeto e tantos outros projetos que a Fenae dispõe e que incentiva o desenvolvimento das pessoas e o desenvolvimento da sociedade brasileira”, ressaltou o presidente da Apcef/MS.

Para o presidente da Fenae, Jair Pedro Ferreira, o projeto Biblioteca Renovada representa um investimento que se faz na cultura e na formação literária das pessoas. “É um projeto que conta com a participação dos empregados da Caixa que fazem a destinação do imposto de renda, é um produto oriundo da Lei Rouanet. Uma contribuição importante para que crianças e adultos possam ter acesso aos livros”, avaliou Jair.

Outras regiões também foram beneficiadas pelo projeto nesta quarta-feira. Ao todo, 3 mil livros paradidáticos foram entregues a escolas e ONGs de nove Estados do país.

Sobre o projeto

O Biblioteca Renovada é um produto especial da plataforma digital “Eu Faço Cultura”, que tem como proponente a Federação das Associações do Pessoal da Caixa (Fenae).

Desde que foi criada, a Biblioteca Renovada já entregou 25 mil livros nas cinco regiões do país. Entre os autores selecionados estão títulos de Monteiro Lobato, Clarice Lispector, Carlos Drummond, Marta Medeiros, Paulo Coelho, Bráulio Bessa, Ziraldo, Thalita Rebouças, Emicida e outros.

A plataforma Eu Faço Cultura beneficia alunos de escolas públicas, pessoas em programas sociais, idosos e pessoas com deficiência de projetos culturais no teatro, cinema e literatura. Com uma proposta inédita no Brasil, o “Eu Faço Cultura” compra produtos/ingressos de produtores culturais ou fornecedores de cultura e os distribui a pessoas de baixa renda.

Esta é uma iniciativa da Fenae e das APCEFs, que tem a participação de milhares de empregados da ativa e aposentados da Caixa, contando com patrocínio da Caixa Seguradora e da Wiz.

Acesse as redes da Fenae:

Acesse e conheça as vantagens de ser um associado

Veja também
Nenhum registro foi encontrado.

selecione o melhor resultado