Notícias

prova-de-vida-funcef 600x400.png

10/06/2021 17:15 / Atualizado em 10/06/2021 18:04

minuto(s) de leitura.

Aposentados e pensionistas relatam dificuldade para fazer a prova de vida da Funcef no aplicativo

Reclamações chegaram à Fenae. Em resposta, a Fundação alega que aprimoramento de segurança no App provocou aumento de insucessos no processo e que atua para reduzir esses efeitos. Fenae vai encaminhar ofício sobre o caso

 

Chegou a vez dos nascidos em junho realizarem a prova de vida da Funcef (Fundação dos Economiários Federais) mas muitos dos participantes ainda se deparam com dificuldades na utilização do aplicativo e até mesmo com dúvidas em relação ao procedimento, conforme relatos que chegaram à Fenae (Federação Nacional das Associações do Pessoal da Caixa Econômica Federal), por meio de Fabiana Matheus, diretora de Saúde e Previdência da instituição. 

A prova de vida dos aposentados e pensionistas da Funcef começou a ser um procedimento obrigatório a partir de janeiro de 2021, voltado - inclusive - para aqueles que recebem pelo convênio INSS/CAIXA/FUNCEF. Desde então, até o último dia de cada mês, a prova de vida deve ser feita pelos aniversariantes do mês. Pensionistas devem considerar o mês de nascimento do titular do fundo de pensão. Quem não realizar o procedimento poderá ficar com o pagamento do benefício suspenso até que o realize. 

A recomendação da entidade é que a prova de vida da Funcef seja realizada a partir do ícone "prova de vida” que aparece no aplicativo da FUNCEF logo que o usuário acessa com o login e a senha. O referido ícone está disponível apenas para os convocados no mês. Para os nascidos no mês de junho, o período para realizar o procedimento foi iniciado na última terça-feira (1º/6). Quem participa do convênio INSS/CAIXA/FUNCEF, basta fazer a prova de vida da Funcef.

O presidente da Fenae, Sergio Takemo, ressalta que o que permeia as preocupações dos participantes da Funcef está sempre na pauta da Fenae. “Fazemos questão de acompanhar qualquer acontecimento que, porventura, venha a ameaçar a segurança financeira, a transparência e a comunicação para com eles. Esse é um dos nossos papeis”, afirma Takemoto.

INSS 

Para a Prova de Vida do INSS, que voltou a ser obrigatória neste mês de junho, ela deve ser realizada por quem não participa do convênio INSS/CAIXA/FUNCEF. Informações pelo 135 ou pelo portal do órgão.

Dúvidas que chegaram à Fenae  

Segundo Fabiana Matheus, após entrar em contato com a Funcef a respeito das reclamações dos participantes que pedem providências, a Fundação informou que a adoção de um aprimoramento de segurança no App provocou uma quantidade maior de insucessos no processo e, por isso, está trabalhando para reduzir os efeitos dessa implementação. 

Devido às reivindicações dos participantes do fundo de pensão, Fabiana Matheus esclarece que a Fenae vai encaminhar um ofício à Fundação solicitando maiores informações sobre o problema gerado pelo aprimoramento do aplicativo, a regularização do mecanismo o mais urgente possível e até mesmo prorrogação do prazo para aqueles que tiveram problema na realização do procedimento. “Os participantes não podem ser prejudicados. Buscamos a regularização urgente do aplicativo para atender as reinvindicações dos participantes”. 

Algumas reclamações em relação ao aplicativo da Funcef aparecem em postagens de usuários na página do Facebook da Funcef.   

    Imagem1.png

Imagem2.jpg
Orientações da Funcef 

Os participantes devem ficar atentos ao ícone da prova de vida, no app da Funcef, que está disponível apenas para os convocados no mês. Quem ainda não tem o aplicativo deve baixá-lo no Google Play ou App Store (Apple). Veja o resumo a seguir, conforme orientações do site da Fundação:

Quem já tem o app da Funcef

Deve clicar em prova de vida e seguir as instruções. O procedimento será feito com biometria facial. Por isso, faça uma foto nítida: não use óculos, máscara, nem chapéu ou boné (a imagem não pode estar embaçada ou tremida). 

Depois, faça uma foto da frente e do verso do documento de identificação (RG ou CNH) válido. O sistema só aceita esses dois tipos de documentos. Observe que será necessário retirar a CNH do plástico. Feito isto, é só finalizar o processo.

Dados atualizados 

O principal veículo de comunicação para a prova de vida é o e-mail e, na ausência deste contato, o número do telefone celular. Portanto, é muito importante que o participante mantenha seus dados atualizados no sistema da FUNCEF para que a comunicação com ele seja efetiva.

Dúvidas devem ser tiradas com a entidade 

Pelo chat do aplicativo, das 9h às 16h, no Fale Conosco no site da FUNCEF e pelo telefone 0800 706 9000 (de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, exceto feriados).

Atenção, o site da Fundação oferece orientações em vídeos: Como fazer a prova de vida; Como baixar o aplicativo da FUNCEF. 

 

Acesse as redes da Fenae:

Acesse e conheça as vantagens de ser um associado

selecione o melhor resultado