MANIFESTO CONTRA MP 995/2020

../../data/files/21/72/69/91/A6EF3710004F7E37403A91A8/Contra%20a%20MP%20400%2017.08.jpg

18/08/20 20:25

Deputado estadual Samuel Carvalho apresenta moção contra MP 995

Mais um parlamentar do Sergipe se manifestou contra a Medida Provisória 995/2020 que permite a abertura de capital das subsidiárias da Caixa Econômica Federal, constituindo uma privatização disfarçada do banco público. Desta vez, foi o deputado estadual Samuel Carvalho (Cidadania/SE) que apresentou moção de repúdio contra a MP.

No documento, o parlamentar solicita que a Assembleia Legislativa do Estado faça um apelo ao ministro da Economia, Paulo Guedes, em favor da anulação da Medida Provisória.

Na justificativa da moção, Samuel Carvalho lembra o importante papel social da Caixa e critica a edição da MP 995, em plena pandemia do novo coronavírus.

“Nos unimos aos empregados da Caixa Econômica Federal, destacando o empenho com que enfrentam a pandemia para garantir que os recursos cheguem à população, à Associação do Pessoal da Caixa Econômica Federal em Sergipe (Apcef/SE), na pessoa do seu presidente Diogo Melo, e à Federação Nacional das Associações do Pessoal da Caixa Econômica Federal (Fenae), que aglutina as 27 Apcefs que existem no Brasil”,  ressaltou o parlamentar.

O vereador José Américo Santos de Deus, da Câmara Municipal de Aracaju (SE), também apresentou Moção de Repúdio ao presidente Jair Bolsonaro devido a edição da Medida Provisória 995/2020.

Leia mais aqui. 

A  Fenae, entidades representativas dos bancários e parlamentares estão realizando uma mobilização nacional para pressionar o governo a revogar a MP 995. Uma das ações já realizadas foi o lançamento de um manifesto que conta com a adesão de mais de 220 representações de todo o país, além do encaminhamento de emendas à Medida Provisória que tramita no Congresso Nacional.

Confira a íntegra do Manifesto.

 

selecione o melhor resultado