19.05.20_imagem_reuters_red.jpg

19/05/20 17:50 / Atualizado em 22/05/20 20:04

minuto(s) de leitura.

Caixa fecha parte de agências em Alagoas após casos de covid-19

Da Agência Reuters, em São Paulo

Aluísio Alves

 

Vinte trabalhadores da Caixa Econômica Federal no Ceará e em Alagoas foram afastados após terem confirmação ou suspeita de covid-19, segundo a Fenae, sindicato de funcionários do banco estatal.

 

 

Cinco empregados de uma mesma agência da Caixa em Fortaleza testaram positivo para a covid-19. Outros cinco bancários do município de Itaitinga (CE) apresentaram sintomas da doença e um deles está na UTI.

Em Alagoas, seis empregados com suspeitas e quatro trabalhadores terceirizados em Maceió também apresentam sintomas da covid-19, segundo a Fenae, que afirmou ainda que uma prestadora de serviço que trabalhava numa agência da capital morreu em decorrência da doença.

Em Alagoas, oito agências da Caixa foram fechadas em Maceió por causa das contaminações entre funcionários.

"É um cenário que alertamos e pedimos providências para que fosse evitado pelo governo desde o início da pandemia e da centralização do pagamento do auxílio emergencial no banco", afirmou o presidente da Federação Nacional das Associações do Pessoal da Caixa Econômica Federal (Fenae), Sérgio Takemoto.

Consultada, a Caixa Econômica Federal não se manifestou sobre o assunto até a publicação desta reportagem.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Acesse as redes da Fenae:

Acesse e conheça as vantagens de ser um associado

selecione o melhor resultado